0

Há quatro semanas, seu ex lhe disse que ela era feia. Confira como ela está agora!

Brittaney Shane, de Oxford, Alabama (Estados Unidos) estava no pior relacionamento que ela poderia ter imaginado. Não importava o que ela fizesse, seu namorado sempre a criticava. Ele dizia que ela era “ridícula”, “tinha mau gosto” e era “feia”, mas Brittaney achava que nunca teria coragem de deixá-lo.

O golpe final para sua auto-estima veio quando seu namorado terminou com ela, trocando-a por uma menina “mais bonita” e mais jovem. Claro que Brittaney, completamente devastada, acreditou que ela fosse a culpada. Se ela fosse mais magra, mais bonita, ou talvez até mais jovem, talvez ele não a tivesse deixado. Esse tipo de pensamento atormentou sua mente por semanas.

Em seu pior momento, Brittaney poderia ter entrado em depressão ou pensado em se matar, pois ela acreditava ter chegado ao fundo do poço. Mas ela optou por um caminho diferente.

Brittaney reuniu forças e escreveu uma carta para o ex-namorado. Sentindo-se aliviada, ela resolveu publicar o texto no seu Facebook, na esperança de apoiar outras jovens que estão passando pela mesma situação. Logo depois que ela postou estas palavras na internet, algo inacreditável aconteceu…

“Você sempre me disse que eu não ficava bem com cabelos longos e que você preferia meninas com cabelo curto. Então eu mantive meu cabelo cortado acima dos ombros. Você riu de mim e disse que eu estava ridícula quando eu pintei meu cabelo de vermelho quando estávamos juntos. Então, uma semana depois, eu o tingi de loiro novamente.

Você sempre implicava quando eu estava usando muita maquiagem (delineador e rímel, na maior parte do tempo), por isso eu simplesmente parei de usá-los.

Você disse que achava minhas tatuagens cafonas e meus piercings feios. E eu tirava o piercing de meu umbigo cada vez que você estava comigo. Tirei todos os meus piercings e não fiz mais tatuagens.

Você apontou as minhas estrias a cada chance que você teve. Então, eu fiz o meu melhor para mantê-las escondidas. Você salientou cada vez que eu parecia ter ganho peso. Então eu comecei a comer menos a cada dia.

Você apontou cada falha que eu tinha. Então, aos poucos, eu fui perdendo toda a minha auto-estima. Durante dois anos você me convenceu de que eu não estava no seu nível e que eu não era boa o suficiente para você. Eu fiz de tudo para ser o que você queria, fiz tudo o que você me disse para fazer. Mesmo assim, não era suficiente. Você me deixou por uma garota mais jovem e mais bonita, alguém que você poderia moldar como queria, igual ao que você tentou fazer comigo.

Até alguns meses atrás eu me culpava por tudo o que aconteceu. Você me culpou também. Mas eu finalmente comecei a ver a verdade. Você não estava acima de mim, eu estava acima de você. Não era eu que não era boa o suficiente pra você, você é que não era bom o suficiente pra mim. Você não me aceitava como eu era como eu sempre te aceitei. Suas muitas, muitas, muitas falhas, que fazem com que você seja quem é. A única vez que eu te pedi para mudar, era para me mostrar que você realmente se importava comigo, coisa que você nunca fez.

Então, aqui estou eu alguns meses depois. Meu cabelo já ultrapassa meus ombros e está tingido de vermelho, eu tenho uma nova tatuagem, novos piercings e comecei a usar maquiagem novamente. Eu como o que eu quiser sempre que quero, peso 61 Kg e ainda tenho minhas estrias.

E eu finalmente recuperei a minha auto-estima, eu finalmente me enxergo quando eu me olho no espelho, e não a menina que você criou. Agora você tem a sua vida, o seu novo amor, seu lado da nossa história, mas você não me tem mais. De forma alguma.

É tão difícil para mim falar sobre tudo isso e admitir que fiquei tão vulnerável por causa de um cara, algo que eu sempre disse que nunca iria acontecer. É humilhante sequer pensar o quão baixo eu desci. Mas o que me dá coragem é o fato de que eu superei isso e que agora sou outra vez o meu ‘eu-verdadeiro’.”

Esta é uma mensagem que todos deveriam ler, independente se estão em um relacionamento ou não. Ninguém merece ser insultado, constantemente criticado, ou se sentir inferior. Todo mundo tem o direito de se expressar plenamente e Brittaney resumiu isso em sua carta. Embora ela ainda seja jovem, suas palavras já inspiraram mais de 330.000 pessoas em todo o mundo.

Se algo semelhante aconteceu com você e se você acha esta mensagem importante, compartilhe-a com seus amigos.

Fonte: Não Acredito


LEIA TAMBÉM
loading...

O Mundo Aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *